Introdução ao Livro de Naum




O julgamento de Deus contra Nínive cap. 1
A cidade é cercada e conquistada cap. 2
Lamentações sobre a cidade cap. 3
INTRODUÇÃO
O Livro de Naum é uma poesia sobre a queda de Nínive, a capital da Assíria. Durante uns cento e cinqüenta anos, a Assíria havia dominado os países do Oriente Médio, mas, em 612 a.C., os babilônios conquistaram Nínive. O profeta Naum vê a queda da cidade como o castigo que Deus manda sobre um povo perseguidor e cruel que, em 722 a.C., havia conquistado Samaria, a capital do Reino do Norte, e levado os israelitas como prisioneiros para a Assíria. A linguagem do profeta é brilhante, e, por meio de várias figuras, ele descreve o cerco e a queda da grande e poderosa cidade.
1. CONTEÚDO
O profeta declara que Deus está irado com Nínive e vai acabar com os assírios, um povo poderoso e cruel. Aí o povo de Judá celebrará a vitória de Deus. Usando figuras e imagens vívidas, o profeta fala sobre a queda da cidade. Por fim, ele entoa lamentações sobre Nínive.
2. MENSAGEM
A mensagem é clara e simples: o Senhor reina sobre todo o mundo, e nenhum povo, por mais poderoso que seja, escapa do castigo que ele faz cair em cima daqueles que não lhe obedecem. “Contra Deus ninguém se levanta duas vezes!” (1.9).
3. AUTOR E DATA
Nada se sabe a respeito do profeta Naum. Ele viveu na mesma época em que viveram os profetas Habacuque e Sofonias, isto é, no sétimo século a.C.

Introdução ao Livro de Naum Introdução ao Livro de Naum Reviewed by Eduardo Galvão on quinta-feira, outubro 22, 2009 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.