2009/05/19

Comentário de João 4:16

Jesus disse-lhe:... Observando que ela continuou escarnecendo ignorantemente dele, suas palavras mostram que ele determinou usar outro método com ela; para convencê-la, de que ele não era uma pessoa comum e ordinária com quem ela estava conversando, como ela o considerou; e também para mostrar quão pecadora ela era, e que curso vicioso de vida ela tinha vivido; de forma que ela poderia ver que precisava dele, como o presente de Deus, e Salvador dos homens; e da graça de que ele tinha estado falando debaixo da ideia de água viva: dizendo a ela:

Vai, chame o teu marido, e vem cá;... Vá diretamente daqui para a cidade de Sicar, e chame o teu marido, e volte novamente com ele: isso disse Cristo, não para que ele viesse e fosse instruído e ensinado por ele, e como se ele fosse entender mais pronta e facilmente, e que ele poderia estar com ela, um participante da mesma graça; mas para ter alguma conversa adicional pela qual ela entenderia que ele conhecia o estado dela e condição, e que curso de vida que ela vivia agora, e assim a traz debaixo de uma convicção dos seus pecados e perigo, e precisa dele e da sua graça.

Nenhum comentário:

Postar um comentário