2009/05/19

Comentário de João 4:21


João 4:21 — Jesus disse-lhe: mulher, acredita-me,... No que eu estou para dizer, visto que tu me consideras um profeta:

A hora vem;... O tempo está próximo; está muito perto; está vindo:

Quando nem nesse monte, nem em Jerusalém adorareis o Pai;... Ou seja, Deus, a quem os Judeus e assim os Samaritanos conheciam, a respeito do caráter do Pai de todos os homens, como Criador e Preservador deles; porque não é Deus como o Pai de Cristo, ou dos santos pela adoção da graça o significado aqui, que essa mulher ignorante, pelo visto, não tinha nenhum conhecimento: e a razão de nosso Senhor está falando dessa maneira, significa que ela não precisava se incomodar com o lugar de adoração, em parte, porque em pouco tempo Jerusalém e o Templo dela seriam destruídos, sem que ficasse lá pedra sobre pedra; e que Samaria e esse Monte Gerizim, com qualquer que fosse o edifício ali, seria deixado desolado, de forma que nem um dos dois continuaria sendo lugares de adoração religiosa; e, em parte, porque todas as distinções dos lugares na religião deixariam inteiramente de existir; e um lugar seria tão correto e próprio para adoração como o outro; e os homens devem erguer as suas santas mãos, orar e oferecer sacrifícios espirituais em cada lugar, desde o nascer do sol até ele se pôr, Mat. 1:11.



Fonte: John Gill's Exposition of the Entire Bible



Nenhum comentário:

Postar um comentário