2010/03/15

Tradução e a Interpretação Errada da Bíblia


Tradução e a Interpretação Errada da Bíblia
Tradução e a Interpretação Errada da Bíblia

Falando contra a tradução da Bíblia, o Frade Buckingham usou de argumentos tolos que não foram um crédito nem para si e nem para seus associados. Disse ele, num sermão: 

“Ao ler as palavras das Escrituras que dizem que nenhum homem que mete a sua mão ao arado, e olha para trás, é apto para o reino de Deus não ficará o lavrador imediatamente propenso a cessar sua lavoura, e daí onde haverá plantio e colheita? Da mesma forma, também, quando o padeiro ler: ‘Um pouco de fermento leveda toda a massa’, não ficará logo muito parcimonioso no uso de fermento, prejudicando grandemente nossa saúde? Portanto, também, quando o homem simples ler as palavras: ‘Se o teu olho te escandalizar, arranca-o fora’, arrancará fora incontinenti seus olhos, e assim o reino inteiro estará cheio de homens cegos, para a grande decadência da nação e a perda manifesta da graça do Rei. Portanto, com a leitura das Escrituras Sagradas o reino inteiro ficará em confusão.” — How We Got Our Bible (Como Chegou a Bíblia a Nós), de J. Paterson Smyth.

Nisto vemos um exemplo claro de como pessoas de poder tentaram impedir que as Escrituras chegasse às mãos do povo comum e de como abundam pelo mundo raciocínios deturpados sobre as Escrituras!

Nenhum comentário:

Postar um comentário