2019/09/13

Apocalipse 15 — Explicação das Escrituras

Apocalipse — Explicação das Escrituras

Apocalipse 15 — Explicação de Apocalipse





Apocalipse 15
15.2 Em pé no mar de vidro. Na sua primeira visão do trono de Deus, João viu este mar representando a separação do homem. de Deus (4.6n). Agora, os crentes (mártires, 4.12, 13) têm o direito de acesso a Deus. Harpas. Instrumentos de louvor celebram a vitória dos vencedores (5.8).
15.3 O cântico de Moisés. O cântico de Moisés louva a Deus por causa do Seu poder, da libertação que concede e da Sua retidão revelada ao liberar, Israel (Êx 15.1-18). Assim também, os crentes perante o trono foram resgatados de um poder ainda mais terrível do que o do Egito, pelo próprio Cristo, maior do que Moisés (Jo 1.17; 6.32; Hb 3.2-6).
15.3.4 Há no Apocalipse vários hinos de louvor que exaltam a Senhor Jesus Cristo como Rei, Senhor e Juiz das nações. Ele é Soberano da história: Ap 5.9-13; 7.10, 12; 12.10-12; 16.5-7; 19.1-8 (veja Fp 2.6-11 n).
15.4 Todos os nações virão. Pode referir-se aos crentes de todas as nacionalidades e raças que se converteram (cf. 5.9; 7.9) ou ao Milênio previsto em Is 2.3; 11.10; Mq 4.2-4; Zc 14.16-19; Cf. Ap 19.15; 20.3-4. Então Cristo reinará, e os crentes com Ele (20.4).
15.7 Sete taças de ouro. São os flagelos mencionados no v. 1. Taça é a mesma palavra no original para descrever as tigelas de ouro cheias de incenso que simboliza as orações dos santos em 5.8. Entende-se que as iniquidades dos ímpios que receberam a marca da besta (13.6), que adoraram o dragão e que se submeteram às duas bestas, já chegaram ao ponto culminante. A ira de Deus transborda. A visão das sete taças é semelhante à das sete trombetas. Os flagelos soa mais intensos, lançados em decorrência da ira de Deus contra a besta é seus súditos.
15.8 Ninguém podia penetrar. Assim aconteceu na ocasião da consagração do tabernáculo no deserto (Lv 9.23-24). Assim, também, foi quando a Templo de Salomão foi consagrado (2 Cr 7.1-2; cf. Is 6.4).

Índice: Apocalipse 1 Apocalipse 2 Apocalipse 3 Apocalipse 4 Apocalipse 5 Apocalipse 6 Apocalipse 7 Apocalipse 8 Apocalipse 9 Apocalipse 10 Apocalipse 11 Apocalipse 12 Apocalipse 13 Apocalipse 14 Apocalipse 15 Apocalipse 16 Apocalipse 17 Apocalipse 18 Apocalipse 19 Apocalipse 20 Apocalipse 21 Apocalipse 22

Nenhum comentário:

Postar um comentário