Elohim — Estudos Bíblicos



Elohim — Estudos Bíblicos

Elohim — Estudos Bíblicos

ELOHIM

É patente que El é a raiz desse nome de Deus, que está no plural. Tem o sentido de “poderoso” ou “forte”. Ver o artigo separado sobre El. Todavia, os eruditos não concordam entre si quanto à natureza exata da combinação. Elohim é a forma plural de Eloá (que vide). Alguns têm pensado que essa palavra significava forte. Ver o artigo geral sobre Deus, Nomes Bíblicos de, onde esclarecemos os sentidos desses nomes, entre os quais está Elohim. A forma plural, além de ser um plural majestático também indicava deuses, um emprego legítimo no hebraico. Contudo, reiteramos que, nos escritos em hebraico, o nome de Deus torna-se mais proeminente quando está em sua forma plural, porquanto tem então uma função aumentativa. No plural, esse vocábulo hebraico também era usado para indicar os anjos, como representantes de Deus, além de serem, eles mesmos, grandes poderes espirituais. Por semelhante modo, os magistrados humanos podiam ser assim chamados, meramente por causa da ideia de “força” ou “autoridade”, neles investida e não por serem divindades. Interessante é o uso que Jesus fez do termo, na citação que aparece em João 10:34,35, de Salmos 82:6, que alude aos poderes humanos como “deuses”. Portanto, Jesus podia estar dando a entender a participação potencial dos homens na natureza divina (II Ped. 1:4). Oferecemos comentários pormenorizados sobre essa questão, no NTI, em João 10:34,35. O ponto culminante da salvação que Deus nos deu é a participação na natureza divina. Ver o artigo geral sobre a Salvação. O trecho de Salmos 82:6, no original hebraico, usa a palavra elohim.
Algumas vezes, a literatura ugarítica trazia o uso aumentativo da palavra elohim, que alguns estudiosos chamam de “plural majestático”. Em Deu. 4:35,39; I Reis 8:60; 18:39; Isa. 45:18, encontramos menção a Deus, com o uso dessa palavra no plural. Porém, em trechos como Êxo. 18:11; 20:23; I Sam. 4:8; II Reis 18:33, etc., os deuses pagãos são mencionados. A mesma palavra envolve juizes ou governantes humanos, conforme se vê em Êxo. 21:6; 22:28. Os anjos também são chamados assim, em Jó 1:6; 2:1 e 38:7. Ver lambém Sal. 82:6. O Novo Testamento, seguindo a Septuaginta, cita Salmos 97:7 como uma alusão aos anjos, e, naquele salmo, aparece a palavra hebraica elohim.
Com a chegada do monoteísmo (que vide), uma graduação acima do henoteísmo ( que vide), foi retida a forma plural, elohim, embora entendida em um sentido singular (aumentativo). E foi feito o contraste entre os deuses pagãos (elohim) e o verdadeiro Deus dos hebreus (Yahweh).

Elohim — Estudos Bíblicos Elohim — Estudos Bíblicos Reviewed by Biblioteca Bíblica on domingo, março 19, 2017 Rating: 5
Tecnologia do Blogger.