segunda-feira, 29 de junho de 2009

GÁLATAS, LIVRO, EPÍSTOLA, CARTA, INTRODUÇÃO, ESTUDO BIBLICO
Escritor: Paulo
Lugar da Escrita: Corinto ou Antioquia da Síria
Escrita Completada: c. 50-52 EC

As congregações da Galácia, às quais Paulo se dirigiu em Gálatas 1:2, incluíam pelo que parece a Antioquia da Pisídia, Icônio, Listra e Derbe — localidades situadas em distritos diferentes, mas todas pertencentes a essa província romana. Atos, capítulos 13 e 14, fala da primeira viagem missionária de Paulo e Barnabé por esta região, que resultou em serem organizadas as congregações da Galácia. Estas eram compostas de uma mistura de judeus e não-judeus, incluindo sem dúvida celtas, ou gauleses. Isto foi pouco depois da visita de Paulo a Jerusalém, por volta de 46 EC. — Atos 12:25.

No ano 49 EC, Paulo empreendeu a sua segunda viagem missionária pelo território gálata, em companhia de Silas, o que resultou em ‘as congregações serem firmadas na fé e em aumentarem em número, dia a dia’. (Atos 16:5; 15:40, 41; 16:1, 2) Todavia, imediatamente depois de partirem, vieram os falsos instrutores, judaizantes, e persuadiram alguns nas congregações da Galácia a crer que a circuncisão e a observância da Lei de Moisés eram parte essencial do verdadeiro cristianismo. Nesse meio tempo, Paulo havia viajado passando por Mísia, entrando na Macedônia e na Grécia, chegando por fim a Corinto, onde passou mais de 18 meses com os irmãos. Depois, em 52 EC, partiu, através de Éfeso, para a Antioquia da Síria, sua base de operações, chegando ali naquele mesmo ano. — Atos 16:8, 11, 12; 17:15; 18:1, 11, 18-22.

Onde e quando escreveu Paulo a carta aos gálatas? Não resta dúvida de que a escreveu logo que recebeu notícias concernentes à atividade dos judaizantes. O lugar da escrita poderia ser Corinto, Éfeso ou a Antioquia da Síria. É possível que ele tenha escrito durante a sua estada de 18 meses em Corinto, 50-52 EC, visto que daria tempo de as informações lhe terem chegado ali, procedentes da Galácia. Éfeso é improvável, visto que permaneceu ali apenas um período breve, na sua viagem de volta. Todavia, ‘passou algum tempo’ então na sua base de operações, na Antioquia da Síria, pelo que parece no verão de 52 EC, e, visto que existia pronta comunicação entre essa cidade e a Ásia Menor, é possível que tenha recebido a notícia sobre os judaizantes e tenha escrito, da Antioquia da Síria, nessa época, a sua carta aos gálatas. — Atos 18:23.

A carta descreve Paulo como “apóstolo, não da parte dos homens, nem por intermédio dum homem, mas por intermédio de Jesus Cristo e de Deus, o Pai”. Revela também muitos fatos sobre a vida de Paulo e seu apostolado, provando que, como apóstolo, trabalhava em harmonia com os apóstolos em Jerusalém e que até mesmo exerceu a sua autoridade para corrigir outro apóstolo, Pedro. — Gál. 1:1, 13-24; 2:1-14.

Que fatos provam a autenticidade e a canonicidade de Gálatas? Esta carta é mencionada por nome nos escritos de Irineu, de Clemente de Alexandria, de Tertuliano e de Orígenes. Além disso, está incluída nos seguintes manuscritos importantes da Bíblia: Sinaítico, Alexandrino, Vaticano N.° 1209, Códice Ephraemi Syri rescriptus, Códice Bezae e Papiro Chester Beatty N.° 2 (P46). Outrossim, está em plena harmonia com os demais escritos da Escritura Grega e também com as Escrituras Hebraicas, às quais faz freqüentes referências.

Na poderosa e enérgica carta de Paulo “às congregações da Galácia”, ele prova (1) que é verdadeiro apóstolo (fato este que os judaizantes procuraram desacreditar) e (2) que a justificação é pela fé em Cristo Jesus, não pelas obras da Lei, e que, portanto, a circuncisão é desnecessária para os cristãos. Embora fosse costume de Paulo fazer que um secretário escrevesse as suas epístolas, ele próprio escreveu aos gálatas em ‘grandes letras, com a sua própria mão’. (6:11) O conteúdo do livro era de máxima importância, tanto para Paulo como para os gálatas. O livro sublinha o apreço pela liberdade que os verdadeiros cristãos têm por intermédio de Jesus Cristo.

2 comentários:

  1. muito bom que agora existem muitos sites biblicos para ajuda a todos nós nas ppesquisas e também a conhecer melhor a vida de jesus cristo

    ResponderExcluir

Compartilhe Este Artigo

Delicious Digg Facebook Favorites More Stumbleupon Twitter

Pesquise outros Estudos