2014/02/01

Significado de Sinais e Milagres no Evangelho de João

Significado de Sinais e Milagres no Evangelho de João

Significado de Sinais e Milagres no Evangelho de João


A palavra grega usada aqui é semeion. Em seu uso clássico, significava: (a) uma marca, sinal ou símbolo pelo qual algo é conhecido; um traço, um rastro; (b) um sinal dos deuses, um presságio; (c) um sinal para fazer qualquer coisa; um sinal para a batalha. No grego koinê, a palavra significava “milagre” ou “maravilha”, bem como “sinal”. A versão King James, em inglês, traduz a palavra quatro vezes como “sinal”, e treze vezes como “milagre”. Sendo utilizada na declaração do propósito de João, a palavra apresenta duas ideias distintas. Certamente refere-se aos milagres realizados por Jesus, alguns dos quais são registrados exclusivamente no quarto Evangelho. Mas ela também oferece uma pista diante da pergunta: Por que ele registrou estes milagres como sinais? Traduzida literalmente, a resposta é: “para que creiais que Jesus é o Cristo, o Filho de Deus”. João viu os milagres de Jesus como sinais para ação, e designou o ato de fé como sendo a ação desejada.

FONTE: Comentário Bíblico Beacon vol. 7, p. 22-23.

Nenhum comentário:

Postar um comentário