Significado de Isaías 46

Significado de Isaías 46

Significado de Isaías 46



Isaías 46

46.1-13 — Essa coleção de oráculos de salvação foi proferida pelo Senhor e é dirigida aos teimosos exilados. Começam com imperativos semelhantes: ouvi-me (v. 3); lembrai-vos (v. 8); ouvi-me (v. 12) e giram em torno do tema de que só o Senhor é o Deus verdadeiro.

46.1,2 — Bel, que significa Senhor, era um dos títulos de Marduque, a principal divindade babilônica. Nebo, filho de Marduque, era o deus do destino, da escrita e da sabedoria. Diz-se ironicamente que cada deus se encurvou junto com seu ídolo vacilante. Segundo o pensamento pagão, os ídolos e os deuses que representavam eram inseparáveis. Os pesados ídolos, de quem se esperava a salvação, também foram arrastados para o cativeiro.

4 6.3 — Provavelmente, nesse versículo, a referência é a um resíduo descrente (Is 1.9; 10.20), a julgar pelas expressões paralelas: prevaricadores (v. 8) e duros de coração (v. 12; leia Is 1.2; 48.1-5; 57.4). Trouxe nos braços desde o ventre. Veja uma metáfora semelhante em Deuteronômio 1.31.

46.4,5 — A velhice refere-se ao zelo incessante do Senhor. Eu serei o mesmo. Observe nesse versículo a ênfase que Deus dá ao que fez em benefício de Seu povo; o próprio Senhor, ninguém mais, salvará Israel (Is 41.4).

Me fareis semelhante. É a terceira vez em que a incomparabilidade de Deus é afirmada nessa seção de Isaías (Is 40.18,25).

46.6,7 — O sujeito do verbo gastam são os fabricantes de ídolos (Is 40.19,20; 41-6,7; 44-9-20). O tomam. Diferentemente do Deus vivo, que carregar e apoia Seu povo (v. 4), os ídolos precisam ser carregados por aqueles que os idolatram.

46.8 — Os prevaricadores são os remanescentes incrédulos (v. 3).

46.9,10 — O fim desde o princípio. Veja descrição semelhante em Isaías 41.4. Como Soberano do Universo, Deus pode fazer o que quiser. Sua vontade (SI 147.10,11) inclui a salvação de Seu povo (Sf 3.17) e que este o louve de todo o coração (Jo 4.23,24).

46.11 — A ave de rapina desde o Oriente é uma referência a Ciro (Is 41-2) e à velocidade e força demonstradas em suas conquistas (Is 41-3). A mensagem é de que Deus pode empregar qualquer instrumento que desejar para fazer cumprir Seus propósitos na terra (Rm 9.14-23).

46.12 — Assim como, no primeiro êxodo, havia os que ansiavam por retornar ao Egito (Nm 14.3), no segundo haverá os que não desejarão abandonar o conforto e a segurança da Babilônia e da Pérsia.

46.13 — Justiça é sinônimo de salvação em Isaías (Is 41.2; 45.8; 51.6; 56.1). A salvação do exílio não só é certa, como não tardará (51.5). Em Israel, a minha glória. Apesar do extenso histórico de rebelião dos israelitas (Ex 32), Deus ama Seu povo, Israel, e nunca o rejeitou completamente (Rm 11.1).

Índice: Isaías 1 Isaías 2 Isaías 3 Isaías 4 Isaías 5 Isaías 6 Isaías 7 Isaías 8 Isaías 9 Isaías 10 Isaías 11 Isaías 12 Isaías 13 Isaías 14 Isaías 15 Isaías 16 Isaías 17 Isaías 18 Isaías 19 Isaías 20 Isaías 21 Isaías 22 Isaías 23 Isaías 24 Isaías 25 Isaías 26 Isaías 27 Isaías 28 Isaías 29 Isaías 30 Isaías 31 Isaías 32 Isaías 33 Isaías 34 Isaías 35 Isaías 36 Isaías 37 Isaías 38 Isaías 39 Isaías 40 Isaías 41 Isaías 42 Isaías 43 Isaías 44 Isaías 45 Isaías 46 Isaías 47 Isaías 48 Isaías 49 Isaías 50 Isaías 51 Isaías 52 Isaías 53 Isaías 54 Isaías 55 Isaías 56 Isaías 57 Isaías 58 Isaías 59 Isaías 60 Isaías 61 Isaías 62 Isaías 63 Isaías 64 Isaías 65 Isaías 66