Significado de Isaías 58

Significado de Isaías 58

Significado de Isaías 58


Isaías 58

58.1 — Isaías deve alertar o povo em voz alta e clara, como uma trombeta (Ex 19.19; 20.18; Os 8.1; 1 Co 14.8). A transgressão está relacionada com o verbo em hebraico traduzido por prevaricar em 1.2.

58.2 — Me procuram cada dia faz um contraste com a busca mencionada em Isaías 55.6. Os religiosos hipócritas têm prazer em se chegar a Deus nos rituais de adoração (Is 29.13).

58.3,4 — A nação costumava realizar um jejum em períodos de calamidade (Jr 36.9; J1 1.14). Mais tarde, o jejum tornou-se parte do calendário litúrgico (Zc 7.2,3; 8.19; Lc 18.12). Esse sermão pode ter sido pregado no Dia da Expiação, quando o povo de Israel afligia a alma (v. 10; Lv 16.29).

Tu o não sabes? Uma atitude semelhante é descrita em Malaquias 3.14. Paradoxalmente, Israel encontra contentamento no jejum, mas não em guardar o sábado (v. 13,14). Requereis todo o vosso trabalho e para contendas e debates, jejuais são acusações que desmascaram a hipocrisia do povo na adoração. Em vez de interromper suas atividades normais e separar o dia para jejuar e orar, eles dão punhadas impiamente no trabalhador que não produzia.

58.5 — Seria este o jejum que eu escolheria ...? Veja passagens semelhantes em Isaías 1.10-15; Amós 5.21-23; Miqueias 6.7. O jejum do povo não é um dia aprazível ao Senhor, porque se baseias na autojustificação, e não na busca da justiça a favor de outros. Incline e estenda referem-se às cerimônias de luto que acompanhavam o jejum (2 Sm 12.16; J1 1.13,14). Como o junco é uma expressão que denota humildade (Is 42.3).

58.6 — Soltes [...] desfaças [...] deixes livres e despedaces todo o jugo são sinônimos da justiça genuína (Ez 18.16-18). Jugo é uma metáfora para a opressão social.

58.7 — O faminto[...] o nu. Para expressões semelhantes a respeito do dever de cuidar dos pobres, veja Jó 31.16-23; Mateus 25.35,36. Os pobres desterrados são aquelas pessoas cujos terrenos e casas foram confiscados como pagamento de dívidas.

58.8 — A luz surgiu com o advento de Cristo (v. 10; 9.2; 10.17; 59.9; 60.1-3; Lc 1.78,79). A justiça refere-se à salvação (Is 56.1). A glória do Senhor provavelmente é uma referência à coluna de nuvem e de fogo no deserto (Is 4.5,-Êx 13.21; 14.20). Retaguarda. Um exército em marcha precisa ter defensores alertas na retaguarda (Is 52.12).

58.9 — O estender do dedo era um gesto de ameaça (Pv 6.13).

5 8.10 — A Alma aflita aqui contrasta com a atitude hipócrita descrita no versículo 3.

58.11 —Jardim regado e manancial perene são símbolos da prosperidade e das bênçãos oriundas da salvação divina.

58.12 — Edificarão os lugares antigamente assolados pressupõe que os exilados restaurados não encontrarão recursos espirituais e econômicos para reconstruir Judá (Is 44-26,28; 61.2,4; Ez 36.10; Ag 1.2-9). A vinda de Cristo reconstruirá a casa de Davi (Am 9.11,12; At 15.15-17).

58.13 — Fazer a tua vontade provavelmente é uma referência ao comércio (v. 3,4; Am 8.5). Santo dia indica claramente que nos versículos 2-9 o Senhor não está rejeitando totalmente os rituais (Is 66.23).