2015/09/03

Significado de Jó 28

Significado de Jó 28

Significado de Jó 28


Jó 28

28.1-28 — Este é um hino de sabedoria maravilhoso que está naturalmente dividido em três estrofes pelo refrão dos versículos 12 e 20, com o versículo 28 servindo de arremate. As perguntas retóricas feitas no primeiro refrão (v. 12) ligam as duas primeiras estrofes que fornecem uma resposta negativa: (1) embora o engenho humano possa descobrir metais preciosos, não pode desvendar a verdadeira sabedoria (v. 1-11); (2) as pessoas não conseguem encontrar a sabedoria porque não conseguem medir o seu valor, que é maior do que o do ouro ou o da prata (v. 12-19). A estrofe final (v. 21-28) dá uma resposta positiva às perguntas do segundo refrão (v. 20): Só Deus conhece a verdadeira sabedoria, a que Ele entremeou no tecido da criação (v. 21-27) e revelou à humanidade (v. 28).

28.1-5 — A menção ao ferro que é tirado da terra sugere uma época após o início da Idade do Ferro (por volta de 1200 a.C.), possivelmente quando o livro de Jó foi escrito.

28.6 — O termo traduzido como safira provavelmente significa lápís azúli, [uma rocha metamórfica de cor azul utilizada como gema, mineral, ou como rocha ornamental desde antes de 7000 a.C.].

28.7 ,8 — A gralha, a ave de rapina e o leão representam todas as espécies de animais. N e nhum animal conhece os tesouros ocultos na terra que o ser humano sabe descobrir (v. 2-11).

28.9-11 — A frase os rios tapa, e nem uma gota sai deles poderia ser reformulada como “seca as fontes dos rios”.

28.12 — A palavra sabedoria (v. 20) está enfatizando a verdadeira sabedoria que só o Senhor conhece (v. 23-27) e que as pessoas podem aprender ao relacionar-se com Ele (v. 28).

28.13-19 — Todos os versículos dessa estrofe contém pelo menos uma vez a palavra não em hebraico, ressaltando a ausência da sabedoria e até mesmo do desejo de obtê-la. As perguntas a respeito do paradeiro da sabedoria e da inteligência (v. 12), portanto, recebem uma resposta enfática: Não está em parte alguma da terra dos viventes (versículo 14, complementado pelos versículos 21 e 22).

28.20-27 — Só Deus entende o caminho da sabedoria e sabe o lugar da inteligência. Ainda que as pessoas superem os animais em matéria de encontrar a localização de metais preciosos (v. 1), e o lugar das pedras preciosas (v. 6), somente Deus é o Senhor e a Fonte da sabedoria (v. 27,28).

28.28 — Este versículo justifica a postura de Jó e marca uma transição do diálogo para os discursos. As palavras mas disse podem apresentar uma referência ao livro de Provérbios (Pv 3.7; 9.10).

Índice: Jó 1 Jó 2 Jó 3 Jó 4 Jó 5 Jó 6 Jó 7 Jó 8 Jó 9 Jó 10 Jó 11 Jó 12 Jó 13 Jó 14 Jó 15 Jó 16 Jó 17 Jó 18 Jó 19 Jó 20 Jó 21 Jó 22 Jó 23 Jó 24 Jó 23 Jó 24 Jó 25 Jó 26 Jó 27 Jó 28 Jó 29 Jó 30 Jó 31 Jó 32 Jó 33 Jó 34 Jó 35 Jó 36 Jó 37 Jó 38 Jó 39 Jó 40 Jó 41 Jó 42

Nenhum comentário:

Postar um comentário