2015/11/24

Romanos 16 — Interpretação Bíblica

Romanos 16 — Interpretação Bíblica

Romanos 16 — Interpretação Bíblica





Saudações pessoais 16.1-16
Paulo manda saudações aos cristãos de Roma citando o nome de 26 pessoas (ver Intr. 3.3). Sete dessas pessoas são mulheres (ver também os vs. 13 e 15), algumas das quais ocupavam posição de destaque na comunidade cristã. Paulo nunca tinha estado em Roma, mas algumas daquelas pessoas tinham trabalhado com ele antes em outros lugares.
16.1 diaconisa É possível que, na época em que Paulo escreveu, esta palavra tinha um sentido geral, não técnico, de “auxiliar” ou “servidora”. Cencréia Cidade que servia de porto para a cidade de Corinto, na Grécia (At 18.18). É bem possível que Paulo estivesse em Corinto quando escreveu a Carta aos Romanos. Febe pode ter sido a pessoa que levou a carta até Roma.
16.2 Recebam essa irmã Ver Rm 12.13, n.
16.3 Priscila... Áquila At 18.1-3,18-19,26; 2Tm 4.19.
16.5 igreja que se reúne na casa deles 1Co 16.19; ver Intr. 3.4. Ásia Ver At 16.6, n.
16.7 Júnia O texto original também pode ser traduzido assim: “Júnias” (nome de homem). Eles são apóstolos bem conhecidos O texto original também pode ser traduzido assim: “Eles são bem conhecidos pelos apóstolos”.
16.13 Rufo Possivelmente o mesmo homem mencionado em Mc 15.21.
16.16 beijo de irmão A saudação cristã (1Co 16.20; 2Co 13.12; 1Ts 5.26; 1Pe 5.14).

Conselhos finais 16.17-24
Para surpresa do leitor, Paulo introduz uma forte advertência contra pessoas que provocam divisões e vão contra o ensinamento que os cristãos receberam (vs. 17-20). Logo em seguida, vêm as saudações dos companheiros de Paulo (vs. 21-23).
16.17 as pessoas que provocam divisões Não sabemos ao certo quem eram essas pessoas. Afastem-se dessas pessoas 2Ts 3.6,14-15; Tt 3.10.
16.21 Timóteo Ver At 16.1, n.
16.23 Gaio Possivelmente, o mesmo que é mencionado em 1Co 1.14 (ver também At 19.29). Erasto Possivelmente, o mesmo que é mencionado em 2Tm 4.20.
16.24 Este versículo não faz parte do texto original (v. 20).

Louvor a Deus 16.25-27
Com uma oração de louvor a Deus, Paulo termina a carta aos cristãos de Roma. Nessa oração, ele resume a carta, mencionando alguns dos grandes temas que foram tratados nela: O evangelho que Paulo anuncia é a mensagem a respeito de Jesus Cristo. É a verdade que foi revelada por meio daquilo que os profetas escreveram e se tornou conhecida em todas as nações, para que todos creiam e obedeçam. A Deus seja dada toda a glória!
16.25 a verdade secreta Ver Rm 11.25, n.

Nenhum comentário:

Postar um comentário