2015/12/29

Ambição — Estudo Bíblico

Ambição — Estudo BíblicoAmbição
O desejo de cumprimento ou realização é bom e significativo em qualquer vida, incluindo a vida motivada pelo conhecimento espiritual. Paulo usa palavras e expressões como “avançar”, “esquecer o passado”, “a corrida”, “o alvo a ser atingido”, além de termos concernentes à aprovação de Deus diante de tais ações. O fato de que João Marcos foi rejeitado a princípio por Paulo parece ter-se baseado sobre a maneira fácil em que o primeiro abandonou seu dever (ver Atos 15:38). Sua posterior aceitação por Paulo, como “útil” (II Tim. 4:11), mostra-nos que Marcos corrigiu a sua falta de ambição espiritual, e não que Paulo se tornou mais generoso. A qualidade de ambição espiritual, porém, pode ser distorcida pelo orgulho e pelo auto-interesse. Os homens podem construir templos a fim de serem elogiados pelos homens, ou para receberem maiores ofertas em dinheiro. Os homens podem pregar sermões eloquentes e obter vasto acúmulo de conhecimento a fim de se distinguirem, e não a fim de glorificar Aquele que os enviou. Nossa ambição deve ser Cristocêntrica; e então será digna de louvor: Especialmente repelente é a competição no seio da Igreja, as lutas pelo poder, alicerçadas sobre as ambições pessoais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário