sexta-feira, 20 de novembro de 2009

APOCALIPSE, LIVRO, INTERPRETAÇÃO
V. Princípios de Interpretação.

1. Regime Geral de Interpretação:

Como um livro destinado à consolação da igreja sob aflições presentes e futuras, o livro de Apocalipse, entende seu autor, pode ser compreendido (Ap 1:3; 22:7). Ele deve ter reconhecimento, no entanto, que embora o seu âmbito geral possa ser compreendido, o mistério deve repousar sobre muitos dos seus símbolos, até o momento da sua realização efetiva. O livro refere-se a “coisas que brevemente devem acontecer” (Ap 1:1) - em seu início pelo menos - e as suas várias interpretações de suas profecias são a melhor prova das dificuldades inerentes ao livro. Esquemas de interpretação têm sido geralmente agrupadas em Preteristas (os que creem que as profecias devem ser consideradas como já ocorridas), os Futuristas (que consideram o cumprimento a ser lançado inteiramente para o futuro), e os Históricos (os que creem que o cumprimento deve ser procurado na história contínua da igreja da época de João até o fim). (1) O primeiro preterista pode ser considerado Moisés Stuart, que encontra o cumprimento de Ap 6-11 na destruição de Jerusalém (Commentário, 520 ff), e de Ap 13-19, no reinado de Nero (690 ff). Mesmo ele, porém, tem de interpretar o capítulo sobre as últimas coisas do futuro. (2) A visão futurista se conecta com todo o tempo do segundo Advento e do Milênio. A besta é um indivíduo que deve aparecer como o Anticristo. Este rejeita as insinuações plenas do livro que os eventos previstos estão, em seu início pelo menos, imediatamente no futuro para o escritor. (3) O ponto de vista histórico conecta os vários símbolos com ocorrências definitivas - como a invasão que derrubou o Império Romano (as primeiras 4 trombeta), os Sarracenos (o primeiro - ai da trombeta), os Turcos, (segundo ai da trombeta), o Papado (a besta, Ap 13, a mulher escarlate, Ap 17), etc. O princípio de um dia por um ano é aplicado para os períodos (1.260 dias – 1.260 anos). Como representantes deste ponto de vista pode ser mencionado Mode, Vitringa, Sir Isaac Newton, Elliott em Horae Apocalypticae, A. Barnes.


Cf. Título do Livro de Apocalipse
Cf. Teologia do Livro de Apocalipse
Cf. Introdução Geral ao Livro de Apocalipse
Cf. Fundo Histórico do Livro de Apocalipse

Fonte: International Standard Bible Encyclopedia de James Orr, M.A., D.D., Editor General

0 Deixe seu comentário:

Postar um comentário

Compartilhe Este Artigo

Delicious Digg Facebook Favorites More Stumbleupon Twitter

Pesquise outros Estudos