2016/09/15

Boca — Estudos Bíblicos

Boca — Estudos Bíblicos

Boca — Estudos Bíblicos 



BOCA
No hebraico, peh, palavra que aparece por cerca de quatrocentas e quarenta vezes (por exemplo: Gên. 4:11; Êxo. 4:11; Núm. 12:8; Deu. 8:3; Jos. 1:8; Juí. 7:6; I Sam. 1:12; II Sam. 1:16; I Reis 7:31; Jó 3:1; Sal. 5:9; 145:21; Pro. 2:6; 4:5; 31:36; Isa. 1:20; Jer. 1:9; Eze. 2:8; Zac. 5:8; Mal. 2:6,7). No grego, stóma, palavra que aparece por cerca de setenta e cinco vezes, desde Mat. 4:4 até Apo. 19:21.
A boca é a cavidade do começo do aparelho digestivo, localizada entre os maxilares superior e inferior, que conduz diretamente à faringe (garganta). Na boca estão os dentes, as gengivas e a língua. Na boca derramam-se as secreções das glândulas salivares, a saber, as parótidas, as submaxilares e as sublinguais. Essas secreções contêm enzimas que dão inicio à digestão dos alimentos. Na boca também está localizado o sentido do gosto, e os dentes servem para triturar os alimentos e ajudar a impregná-los com saliva. A boca também está envolvida nos processos da respiração e da articulação da fala, da expectoração e do ato de chupar. As pessoas ficam admiradas ao serem informadas de que a boca é, sem dúvida alguma, a porção mais suja do corpo humano. Consideremos estes fatos espantosos: 1. Não há liquido bucal que possa esterilizar a boca senão aqueles que são tão potentes que destróem os tecidos que recobrem internamente a boca. 2. Nem o ato mais cuidadoso de escovar os dentes é capaz de realmente esterilizar a boca. 3. Os nutrientes que colocamos na boca servem de bom meio de cultura de toda espécie de bactérias, que crescem e se reproduzem na nossa boca. 4. A saliva tende por desencorajar a multiplicação de todas as demais bactérias, excetuando aquelas que produzem enfermidades no homem. Portanto, os germens que podem causar doenças são precisamente aqueles que são ajudados pela saliva. A mordida humana é um dos ferimentos que os médicos têm maior dificuldade em curar! Até mesmo aqueles que sabem desses fatos continuam beijando-se.
Usos Metafóricos: 1. Ser pesado de boca significa falar com lentidão (Êxodo 4:1). 2, A boca macia indica a linguagem lisonjeadora, ou seja, aquele que engana o próximo (Sal. 55:21; 109:2). 3. Falar boca a boca significa comunicar-se com outrem sem a ajuda de intérprete (Núm. 12:8; I Reis 8:15). 4. Pôr palavras na boca de alguém significa sugerir o que esse alguém deve dizer (Est. 4:15, embora a figura de linguagem não apareça em português). 5. Estar na boca significa falar freqüentemente a respeito de algo (Êxo. 13:9). 6. Pôr a mão sobre a boca quer dizer guardar silêncio (Juí. 18:19; Jó 21:5). 7. Pôr um dedo sobre a boca equivale a pedir silêncio. 8. Pedir conselho da boca do Senhor é buscar informação espiritual (Jos. 9:14, outra figura de linguagem que não transparece no texto português da Bíblia). 9. Desandar a boca contra os céus é falar com extrema arrogância (Sal. 73:9).
10. A vara da boca indica a Palavra de Deus (Isa. 11:4). 11. A palavra «boca» algumas vezes indica aquilo que alguém diz (Núm. 3:16). 12. Toda a espécie de maldade procede da boca,—que é considerada a fonte de grandes males (Mat. 15:18; Rom. 3:14). 13. Entre as bocas não humanas temos a boca de uma caverna (Jos. 10:27); a boca de um sepulcro (Sal. 141:7); a boca de um saco (Gên. 42:27); a boca de um poço (Gên. 29:10). 14. A ameaça de julgamento severo, por pronunciação de Deus, é uma espada que sai de Sua boca (Apo. 19:15). (AD AM BR Z)

Nenhum comentário:

Postar um comentário