2009/12/14

Doutrina da Eleição no Novo Testamento

Doutrina da Eleição no Novo Testamento

Doutrina da Eleição no Novo Testamento
Expressão Grega: eklektos

Todos os anos, os cidadãos americanos têm o direito de participar nas eleições. Este é o processo pelo qual os votos são expressos por um grupo de pessoas para escolher um representante. Um elemento da escolha é envolvido, uma vez que, habitualmente, há vários candidatos dos quais um deve ser escolhido. Quando o verbo grego eklektos, que significa “eleger”, é usado na Bíblia, normalmente tem Deus como seu sujeito. Ele é o único que faz as seleções.

Nos tempos do Antigo Testamento, Deus escolheu os filhos de Israel para ser Seu povo (Atos 13:17). Tornaram-se o Seu povo, não porque decidiram pertencer a Ele, mas porque Deus tomou a iniciativa e escolheu-os. Os mesmos pensamentos são encontrados no Novo Testamento. O povo de Deus é descrito como seus “eleitos” ou “escolhidos”. Jesus usou este termo quando falou de Seu retorno futuro, quando, como o Filho do homem, Ele vai reunir o povo de Deus (Marcos 13:20, 27). Jesus vai reivindicar os seus sofrimentos e paciência deles em esperar Sua vinda (Lucas 18:7). Em 1 Pedro 2:9, o povo de Deus é chamado de uma “nação eleita”.

Em Romanos 9-11, Paulo explica por que os gentios aceitaram o Evangelho, enquanto o povo de Israel, como nação, o rejeitou. Ele afirma que, no presente momento, há um “remanescente” de Israel como um resultado da escolha graciosa de Deus sobre eles. Esse grupo é chamado de “os eleitos.” Eles são o povo escolhido que tinham obtido o que era para Israel como um todo, enquanto a grande massa de pessoas não conseguiram obtê-lo, porque foram endurecidos, como resultado de seu pecado (Rm 11:5-7). No entanto, a escolha de Deus de Israel para ser Seu povo não foi cancelada. A maioria dos judeus se aliaram contra o Evangelho, e gentios podem receber as bênçãos de Deus em seu lugar, mas os judeus ainda são amados por Deus, e Deus não vai voltar atrás com a Sua vocação original deles (Rm 11:28). Por conseguinte, Paulo permanece confiante de que no devido tempo, haverá um retorno generalizado a Deus pelo povo de Israel.

Versículos chaves
Romanos 8:33; Colossenses 3:12; 2 Timóteo 2:10; Tito 1:1; 1 Peter 1:1.

Eklektos é geralmente encontrada no plural e refere-se tanto aos membros “do povo de Deus como um todo”, como às “pessoas em uma determinada igreja local.” A forma singular do verbo só é encontrado em Romanos 16:13 e 2 João 13. O uso do plural pode ser parcialmente explicado pelo fato de que a maioria das cartas do Novo Testamento são dirigidas a grupos de pessoas ao invés de indivíduos. Mais provavelmente, porém, o ponto é que a eleição de Deus diz respeito à criação coletiva de um povo e não a convocação de indivíduos isolados.

Fonte: Holman Treasury of Key Bible Words de Eugene E. Carpenter e Philip W. Comfort.

Nenhum comentário:

Postar um comentário