2016/10/14

Significado de Números 31

Significado de Números 31

Significado de Números 31



Números 31

31.1,2 — O capítulo 31 alude ao 25: a derrocada por causa do pecado de Israel em Baal-Peor e o papel que tiveram os midianitas na orquestração das ofensas.
31.3-6 — Os preparativos para a batalha incluíram a separação de mil homens de cada tribo, um meio de assegurar a participação de todo o povo na guerra. Finéias, a figura heróica que deteve a praga com sua corajosa atitude (Nm 25,7,8), era o comandante das tropas. Como sacerdote, ele liderou os exércitos de Israel com objetos do santuário e trombetas para o toque de guerra.
31.7-11 — A vitória estava assegurada, devido à bênção de Deus aos exércitos de Israel. Os israelitas mataram todos os homens e os reis, e tomaram as mulheres e as crianças como prisioneiros.
31.12-24 — Quando os vitoriosos chegaram de volta ao acampamento, não receberam louvores, mas sim indignação por parte de Moisés, que disse: Deixastes viver todas as mulheres? O líder de Israel ficou irado porque as mulheres midianitas prevaricaram contra o Senhor no passado. Foram elas que levaram Israel a pecar, pois seguiram os conselhos de Balaão. Este falso profeta já havia sido assassinado, juntamente com os reis e as pessoas importantes do povo (v. 8). Agora, as mulheres e seus filhos homens também deveriam ser mortos. Apenas as moças jovens, ainda virgens, poderiam ser mantidas vivas, pois eram inocentes dos pecados sexuais de suas mães. Visto que esta era uma guerra santa, os soldados e suas posses precisavam passar por extraordinários ritos de purificação. Tais rituais de limpeza exigiam o uso do fogo e da água.
31.25-47 — Aqui, o trecho bíblico detalha o balanço das posses que foram tomadas dos midianitas. A quantidade é bastante grande, o que indica uma grande vitória. A divisão do despojo entre aqueles que foram à guerra e aqueles que não foram estabelece um modelo para futuras batalhas. A porção destinada ao Senhor também se tornou padrão.
31.48-54 — Enquanto o registro da destruição do povo de Midiã é penoso, o relatório dos oficiais de Israel de que não estava faltando ninguém é de causar admiração. Nenhum dos soldados israelitas foi perdido na batalha. Em louvor e gratidão a Deus, os oficiais fizeram uma oferta especial, que Moisés levou para dentro do tabernáculo como um memorial. A quantidade dos despojos também era extraordinária: 200 kg de ouro (16.750 siclos).

Índice: Números 1 Números 2 Números 3 Números 4 Números 5 Números 6 Números 7 Números 8 Números 9 Números 10 Números 11 Números 12 Números 13 Números 14 Números 15 Números 16 Números 17 Números 18 Números 19 Números 20 Números 21 Números 22 Números 23 Números 24 Números 25 Números 26 Números 27 Números 28 Números 29 Números 30 Números 31 Números 32 Números 33 Números 34 Números 35 Números 36

Nenhum comentário:

Postar um comentário