2019/08/26

Interpretação de Números 25

Interpretação de Números 25

Interpretação de Números 25


Números 25

II. O Sucesso de Balaque em Afastar Israel do Senhor. 25:1-18.
Números 31:16 mostra que Balaão, que não conseguiu desviar Deus do Seu povo, teve sucesso em desviar alguns dentre o povo de Deus. O Novo Testamento fala de “o caminho de Balaão” (II Pe. 2:15), referindo-se ao seu amor ao “salário da injustiça” (cons. Nm. 22,24), e à “doutrina de Balaão” (Ap. 2:14), referindo-se a este incidente.
A. O Pecado de Baal-Peor. 25:1,5.
2. Convidaram o povo aos sacrifícios dos seus deuses. O sujeito estas é feminino, referindo,se às filhas de Moabe, com as quais os homens de Israel fornicaram. Balaque, a conselho de Balaão (Ap. 2:14), usou este método para enfraquecer Israel.
3. Juntando-se Israel a Baal-Peor. Possivelmente Baal de Bete-Peor (Dt. 3:29 ; 4:46). No culto a Baal, havia os festivais da primavera que dramatizavam, ao vivo, a cópula de Baal com a deusa da fertilidade. A arqueologia descobriu que os devotos de Baal praticavam a prostituição como parte de sua adoração. Esta prática sórdida foi adotada pelos israelitas. Legislação contra a prostituição masculina e feminina foi dada em Dt. 23:17.
4. Toma todos os cabeças do povo. Convoque os anciãos para julgamento. E enforca-os. Isto é, os fornicadores. O verbo está um tanto obscuro. Poderia ser “mata-os”.
B. O Zelo de Fineias. 25:6-18.
8. Foi após o homem . . . até ao interior da tenda. O termo qubba, fora do comum, significando “tenda abobadada”, indica a alcova onde Fineias apanhou-os no ato (Delitzsch).
11. Estava animado com o meu zelo. Literalmente, zeloso com o meu zelo. Fineias defendera o ódio zeloso de Deus contra o pecado. Tal ódio perfeito ao pecado está detrás de todas as “difíceis” pragas e imprecações da Bíblia.
13. Sacerdócio perpétuo. Por causa desta aliança de paz (v. 12), os descendentes de Fineias viriam a ser os sumo sacerdotes de Israel (cons. I Sm. 14:3; 22:11, 20). Continuaram assim através de toda a história do Tabernáculo e do Templo.
14. Casa paterna. A casa de um pai, conforme usado em 1:2 e outras passagens, significa uma subdivisão de tribo.
15. Cosbi, filha de Zur. Este homem foi alistado como um dos cinco reis de Midiã. Aqui ele é chamado de “cabeça de um clã”.
17. Afligireis os midianitas. Matar a filha de um rei só podia significar guerra. Deus fez Israel se lembrar de que tinha uma justa razão para estar em pé de guerra com Midiã. Os midianitas e os moabitas eram confederados na oposição ao povo escolhido de Deus, ambos estavam implicados na contratação de Balaão (22:4) e neste caso de Peor (v. 18). 

Índice: Números 1 Números 2 Números 3 Números 4 Números 5 Números 6 Números 7 Números 8 Números 9 Números 10 Números 11 Números 12 Números 13 Números 14 Números 15 Números 16 Números 17 Números 18 Números 19 Números 20 Números 21 Números 22 Números 23 Números 24 Números 25 Números 26 Números 27 Números 28 Números 29 Números 30 Números 31 Números 32 Números 33 Números 34 Números 35 Números 36

Um comentário: