2009/06/22

Comentário de João 12:28-29

12:28 - Pai, glorifica teu nome,... As perfeições da sua natureza, particularmente a sua justiça e santidade, ou seja, em si mesmo, pelo seu sofrimento e morte; sugerindo, portanto, comentario do evangelho de João, comentario biblicoque a glória do seu Pai era o que ele tinha em vista, e que a garantia disso iria dar a ele um prazer infinito debaixo de todos os seus sofrimentos. A versão Árabe, e Nonnus, leem: "glorifica teu filho", como em João 17:1, e a versão Etíope leva os dois: "glorifica teu nome, assim com o do teu Filho", e, na verdade, aquilo que glorifica um, glorifica o outro; ver João 13:31.

Então veio uma voz dos céus;… Assim como no seu batismo e transfiguração, e que veio do Pai, e era uma voz articulada, e com a qual os Judeus chamavam “bath kol”, ou “a filha da voz”:

[Dizendo]: eu [o] glorifiquei;… Se referindo a sua encarnação, ministério, obediência e milagres de Cristo; e particularmente, por levantar Lázaro dentre os mortos:

E [o] glorificarei novamente;… Por sustentar-lhe debaixo das provações que culminaria em sua morte, e por levantá-lo dentre os mortos, e por estabelecê-lo à sua mão direita.

12:29 - O povo que lá estava, portanto, e que ouviu [isso],… Alguns de maneira mais confusa, pois estavam mais longe; outros de maneira mais distinta, pois estavam mais próximo: os primeiros desses...

Disseram que havia trovejado;… Como costumava ser quando “bath kol” era ouvida, que, como os Judeus diziam (a), “é a voz que sai dos céus procedendo do meio de uma outra voz,” como um trovão; portanto, muitos interpretaram isso como um trovão, e outros como a voz de uma anjo saindo do trovão:

Outros disseram: um anjo lhe falou;… Esses estando mais próximos, percebendo ser uma voz articulada, que expressou certas palavras distintas, que eles acreditaram ter sido entregues por um anjo; pois os Judeus tinham uma noção poderosa de conversas entre anjos e homens, da qual seus doutores se diziam capazes de entender; particularmente R. Jochanan ben Zaccai, um Rabino, que estava vivo neste tempo, e tinham aprendido a sua linguagem, e era versado nela (b).


______________
Notas

(a) Piske Tosephot in T. Bab. Sanhedrin, art. 30.
(b) T. Bab. Succa, fol. 28. 1. & Bava Bathra, fol. 134. 1.

Nenhum comentário:

Postar um comentário