2017/10/09

Ezequiel 27 — Comentário Devocional

Ezequiel 27 — Comentário Devocional

Ezequiel 27 — Comentário Devocional



 

Ezequiel 27

27.1ss - No cap. 27, há um cântico fúnebre sobre a queda de Tiro. A cidade é comparada a um navio (vv. 1 -9); muitos de seus parceiros comerciais são mencionados (vv. 10-25), mas Tiro afundou (vv. 26-36). Jesus falou que esta cidade mereceu o julgamento de Deus (Mt 11.22).

27.3, 4 - A beleza de Tiro era a fonte de seu orgulho; e esta foi a razão de seu julgamento. A presunção e o orgulho por nossas realizações devem ser um sinal de perigo para nós (ver Tg 4.13-17). Deus não é contra sentirmos prazer ou satisfação naquilo que fazemos; Ele é contra a arrogância e a soberba, pois fazem com que uma pessoa trate as demais com desprezo. Devemos reconhecer Deus como a base e a fonte de nossa vida!

Índice: Ezequiel 1 Ezequiel 2 Ezequiel 3 Ezequiel 4 Ezequiel 5 Ezequiel 6 Ezequiel 7 Ezequiel 8 Ezequiel 9 Ezequiel 10 Ezequiel 11 Ezequiel 12 Ezequiel 13 Ezequiel 14 Ezequiel 15 e 16 Ezequiel 17 Ezequiel 18 Ezequiel 19 Ezequiel 20 Ezequiel 21 Ezequiel 22 Ezequiel 23 Ezequiel 24 Ezequiel 25 Ezequiel 26 Ezequiel 27 Ezequiel 28 Ezequiel 29 Ezequiel 30 Ezequiel 31 Ezequiel 32 Ezequiel 33 Ezequiel 34 Ezequiel 35 Ezequiel 36 Ezequiel 37 Ezequiel 38 Ezequiel 39 Ezequiel 40 Ezequiel 41 Ezequiel 42 Ezequiel 43 Ezequiel 44 Ezequiel 45 Ezequiel 46 e 47 Ezequiel 48

Nenhum comentário:

Postar um comentário