2017/07/10

Apocalipse 10:1-11 — Interpretação Bíblica

Apocalipse 10:1-11 — Interpretação Bíblica




O anjo e o livrinho
(Leia Apocalipse 10.1—11.14)

Assim como aconteceu depois do sexto selo e antes do sétimo (7.1-17), também entre a sexta (9.13) e a sétima trombetas (11.15) existe um intervalo. Nesse intervalo, o Livro do Apocalipse apresenta a visão do anjo e o livrinho (10.1-11) e as duas testemunhas (11.1-14). Nas visões anteriores, João tinha estado no céu (4.1); agora, ele está na terra, pois vê o anjo descendo do céu (10.1).
10.1 outro anjo forte O primeiro anjo forte aparece em Ap 5.2.
10.2 um livrinho aberto Ao comer esse livrinho (vs. 10-11), João recebe a mensagem que está escrita nele.
10.3 rugido de leões... trovões Jr 25.30; Am 1.2; 3.8.
10.4 Guarde em segredo Há verdades que fazem parte do plano secreto de Deus (v. 7) e que, por isso, não podem ser reveladas (Dn 12.4,9).
10.5-6 levantou a mão direita... e fez um juramento Dt 32.40; Dn 12.7.
10.6 criou o céu, a terra, o mar Ver Ap 4.11, n. Não vai demorar mais Chegou o Dia do Juízo Final (Dn 12.6-7).
10.7 Quando o sétimo anjo tocar a trombeta Ap 11.15. o seu plano secreto Aquilo que Deus vai fazer com o mundo e a humanidade (Ap 11.15-18; ver Rm 11.25, n.; 1Co 2.1, n.; Cl Intr. 2.3). seus servos, os profetas Am 3.7.
10.9 Pegue o livrinho e coma-o Ez 2.8—3.3. azedo... doce como o mel A mensagem que João vai anunciar é uma mistura de doce com azedo, ou seja, ele terá boas notícias e más notícias.
10.11 me disseram Quem disse foi Deus ou um anjo. Ver uso semelhante da voz passiva do verbo em Ap 6.11, n. precisa anunciar Ver Ap 1.1, n. a mensagem de Deus Mensagem a respeito do julgamento de Deus. nações, raças, línguas Ver Ap 5.9, n.

Índice: Apocalipse 1 Apocalipse 2 Apocalipse 3 Apocalipse 4 Apocalipse 5 Apocalipse 6 Apocalipse 7 Apocalipse 8 Apocalipse 9 Apocalipse 10 Apocalipse 11 Apocalipse 12 Apocalipse 13 Apocalipse 14 Apocalipse 15 Apocalipse 16 Apocalipse 17 Apocalipse 18 Apocalipse 19 Apocalipse 20 Apocalipse 21 Apocalipse 22

Nenhum comentário:

Postar um comentário