2016/05/30

Interpretação de Levítico 1

Interpretação de Levítico 1

Interpretação de Levítico 1 



Levítico 1
1. Chamou o Senhor a Moisés. O ambiente está explicado em Êxodo 40. Deus fala a Moisés da tenda da congregação, 'ohelmo'ed, “tenda da reunião”, isto é, no lugar onde Deus se encontra com o Seu povo. Este não era um lugar de reunião no sentido da posterior sinagoga, pois só os Sacerdotes e levitas tinham permissão de se aproximar dele.
2. Oferta. O hebraico qorbein, vem da raiz qrb, “aproximar-se”. É aquilo com que alguém se aproxima de Deus. Um homem trazia alguma coisa como preparativo para se apresentar diante de Deus. O que estas ofertas eram está explicado nos capítulos de 1 a 7.
b) Ofertas Queimadas. 1:3-17.
3. Se a sua oferta for holocausto. O holocausto ou oferta queimada ('olei) podia consistir de uru grande animal macho, beiqeir (v. 3), ou de um animal pequeno, sob (v.10). O pensamento central aqui é que nem o ofertante (cons. caps. 13; 14) nem a oferta podiam ter defeito. A oferta era trazida para que ambos, oferta e ofertante, fossem aceitos por Deus.
4. E porá a mão. No hebraico (seimak yeido) implica em pressionar com força a cabeça do animal. Não conhecemos todo o ritual envolvido, mas a intenção era provavelmente a de mostrar a energia física e mental envolvida na transferência, e no que ela implicasse. O propósito final era a expiação ou cobertura (kapper) do pecado.
6. Ele esfolará. Depois que a vítima era sangrada, o ofertante tirava-lhe a pele e a dividia pelas juntas. Em prática posterior (II Cr. 29; 35) os sacerdotes e os levitas é que esfolavam a carcaça.
10. Sua oferta . . . de gado miúdo. Não eram só os animais grandes que podiam ser usados mas também os pequenos, isto é, carneiros ou cabritos. O mesmo ritual devia ser observado pelo ofertante e pelos sacerdotes. Acrescenta-se aqui que o animal devia ser morto no lado setentrional do altar.
14. A pequenez das aves exigia algumas alterações no ritual usado com os animais maiores. O ritual foi manejado somente pelo sacerdote.

Nenhum comentário:

Postar um comentário